Compartilhe esta página pelo Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook

Índice de verbetes


Trindade Universal



Trindade Universal é a definição dada pela espiritualidade para o conjunto dos três elementos gerais que constituem o princípio de tudo o que existe — Deus, espírito (princípio espiritual) e matéria (princípio material) —, colocando em destaque a posição soberana da divindade. Esta definição foi oferecida na resposta para a questão 27 de O Livro dos Espíritos, a uma proposição feita por Allan Kardec sobre o princípio das coisas. Além desta tríade, a mesma resposta introduz o fluido universal (também conhecido como fluido cósmico universal) como sendo um elemento especial acrescentado ao princípio material.




Contexto

Na primeira parte (Livro Primeiro) de O Livro dos Espíritos, seu autor — Allan Kardec — trata especialmente das Causa Primárias, ou seja, da essência e origem de tudo o que existe no Universo, incluindo aí os possíveis multiversos, tanto dos ditos mundos físicos quanto dos mundos ditos espirituais. Depois de dedicar o primeiro capítulo a Deus, Kardec reserva o capítulo seguinte aos Elementos Gerais do Universo, perscrutando os limites do saber humano sobre a referida temática, para então chegar à observação da existência de duas naturezas distintas e que se integram para que efetivamente elas possam se manifestar, quais sejam:

  • Natureza espiritual: elemento espírito (grafado com “e” minúsculo), ou o princípio espiritual, como sendo a fonte da qual nascem as individualidades espirituais que, a partir de um determinado grau de desenvolvimento, tornam-se Espíritos (grafados com “E” maiúsculo), quer dizer, seres inteligentes, indivíduos, pessoas etc.;
  • Natureza espiritual: elemento matéria, ou o princípio material, a fonte da qual se extrai as substâncias que formam os corpos físicos.

De posse da definição desses dois elementos, o codificador do Espiritismo então propõe aos mentores espirituais a ideia de que esse dueto formaria o conjunto dos elementos primordiais de tudo o que existe, ao que os Espíritos o confirmam, mas acrescentam um terceiro elemento (Deus), formando assim a tríade essencial:

27. Haveria então dois elementos gerais do Universo: matéria e espírito?
“Sim, e acima de tudo Deus, o criador, o pai de todas as coisas; essas três coisas constituem o princípio de tudo o que existe, a trindade universal...”
O Livro dos Espíritos, Allan Kardec - questão 27


E logo em seguida, os amigos espirituais completam a resposta, apresentando o fluido universal:

“Contudo, ao elemento material é preciso acrescentar o fluido universal, que desempenha o papel de intermediário entre o espírito e a matéria propriamente dita, que é bastante grosseira para que o espírito possa exercer ação sobre ela. Embora, em um certo ponto de vista possamos classificá-lo como elemento material, o fluido universal se distingue por propriedades especiais; se ele fosse concretamente matéria, não haveria razão para que também o espírito não o fosse. Ele está colocado entre o espírito e a matéria; é um fluido, como a matéria é matéria, e — pelas suas inumeráveis combinações com esta última, e sob a ação do espírito — é suscetível de produzir a infinita variedade das coisas de que vocês não conhecem senão uma mínima parte. Esse fluido universal, ou primitivo, ou elementar, sendo o agente de que o espírito se utiliza, é o princípio sem o qual a matéria estaria em perpétuo estado de divisão e jamais adquiriria as propriedades que a força da gravidade lhe dá.”
Idem


Ver: fluido universal.

A Trindade Universal costuma ser representada pela forma geométrica de um triângulo, colocando a divindade estrategicamente no ângulo superior — representando assim a soberania de Deus acima de tudo o mais — e o fluido cósmico universal como uma espécie de anexo ao elemento matéria (princípio material). Ver imagem acima.


Simbologia

O conceito de Trindade Universal dentro da obra kardequiana pode ser interpretado como um símbolo, uma ideia cuja insígnia viria representar uma versão espírita ante a simbologia comum contida na figura de um conjunto que reúna três elementos essenciais para um determinado propósito, notadamente no exemplo da doutrina católica da “Santíssima Trindade”, que propõe a divisão da divindade nos elementos Pai, Filho e Espírito Santo. Outro exemplo de tríade se verifica no hinduísmo, formada pelas divindades Brahma, Vishnu e Shiva. Em Espiritismo, podemos citar a tríade formada pelas três grandes revelações da Lei de Deus: o Judaísmo sintetizado em Moisés, o Cristianismo sintetizado em Jesus e o Espiritismo, dito a Terceira Revelação

Ver: Santíssima Trindade e Terceira Revelação.

Para determinadas crenças, os símbolos podem ser sagrados e, por conseguinte, são elementos para adoração e aplicações místicas, como em rituais litúrgicos e sacramentais. Esta última designação não é, absolutamente, o caso da Trindade Universal espírita; ela é uma simbologia comum, como outras tantas insígnias, que têm como objetivo a função didática, sendo um recurso para melhor exemplificação e fixação de certas ideias, um mero instrumento educacional. Da mesma forma, podemos dizer da cepa espírita, desenhada pelos Espíritos para representar o trabalho do Criador.

Ver: Cepa Espírita.

Outro exemplo de trindade é mencionado por Allan Kardec na obra O Evangelho segundo o Espiritismo:

“[...] A esperança e a caridade são corolários da fé e formam com esta uma trindade inseparável...”
O Evangelho segundo o Espiritismo, Allan Kardec - Cap. XIX, item 11


Referências

  • O Livro dos Espíritos, Allan Kardec - Ebook.
  • O Evangelho segundo o Espiritismo, Allan Kardec - Ebook.


Tem alguma sugestão para correção ou melhoria deste verbete? Favor encaminhar para Atendimento.


Índice de verbetes
A Gênese
A Gênese, os Milagres e as Predições segundo o Espiritismo
Abreu, Canuto
Adolphe Laurent de Faget
Agênere
Alexandre Aksakof
Allan Kardec
Alma
Alma gêmea
Amélie Gabrielle Boudet
Anastasio García López
Andrew Jackson Davis
Anna Blackwell
Arigó, Zé
Arthur Conan Doyle
Auto de Fé de Barcelona
Auto-obsessão.
Banner of Light
Baudin, Irmãs
Bem
Berthe Fropo
Blackwell, Anna
Boudet, Amélie Gabrielle
Cairbar Schutel
Canuto Abreu
Caridade
Carma
Caroline Baudin
Célina Japhet
Cepa Espírita
Charlatanismo
Charlatão
Chevreuil, Léon
Chico Xavier
Cirne, Leopoldo
Codificador Espírita
Comunicabilidade Espiritual
Conan Doyle, Arthur
Consolador
Crookes, William
Daniel Dunglas Home
Davis, Andrew Jackson
Denis, Léon
Dentu, Editora
Dentu, Édouard
Desencarnado
Deus
Didier, Pierre-Paul
Divaldo Pereira Franco
Dogma
Dogmatismo
Doutrina Espírita
Doyle, Arthur Conan
Dufaux, Ermance
Ectoplasma
Ectoplasmia
Ecumenismo
Editora Dentu
Édouard Dentu
Epífise
Ermance Dufaux
Errante
Erraticidade
Errático
Escala Espírita
Escrita Direta
Espiritismo
Espiritismo à Francesa: a derrocada do movimento espírita francês pós-Kardec
Espírito da Verdade
Espírito de Verdade
Espírito Errante
Espírito Santo
Espírito Verdade
Espiritual
Espiritualismo
Espiritualismo Moderno
Evangelho
Expiação
Faget, Laurent de
Fascinação
Fora da Caridade não há salvação
Fox, Irmãs
Francisco Cândido Xavier
Franco, Divaldo Pereira
Fropo, Berthe
Galeria d'Orléans
Gama, Zilda
Glândula Pineal
Henri Sausse
Herculano Pires, José
Herege
Heresia
Hippolyte-Léon Denizard Rivail
Home, Daniel Dunglas
Humberto de Campos
Imortalidade da Alma
Inquisição
Irmão X
Irmãs Baudin
Irmãs Fox
Jackson Davis, Andrew
Japhet, Célina
Jean Meyer
Jean-Baptiste Roustaing
Joanna de Ângelis
Johann Heinrich Pestalozzi
José Arigó
José Herculano Pires
José Pedro de Freitas (Zé Arigó)
Julie Baudin
Kardec, Allan
Kardecismo
Kardecista
Karma
Lachâtre, Maurice
Lamennais
Laurent de Faget
Léon Chevreuil
Léon Denis
Leopoldo Cirne
Leymarie, Pierre-Gaëtan
Linda Gazzera
Livraria Dentu
London Dialectical Society
Madame Kardec
Mal
Maurice Lachâtre
Médium
Mediunidade
Mesas Girantes
Metempsicose
Meyer, Jean
Misticismo
Místico
Moderno Espiritualismo
Necromancia
O Livro dos Espíritos
O Livro dos Médiuns
Obras Básicas do Espiritismo
Obsediado
Obsessão
Obsessor
Oração
Palais-Royal
Panteísmo
Paráclito
Parasitismo psíquico
Pélagie Baudin
Percepção extrassensorial
Pereira, Yvonne A.
Pestalozzi
Pierre-Gaëtan Leymarie
Pierre-Paul Didier
Pineal
Pires, José Herculano
Pneumatografia
Possessão
Prece
Pressentimento
Projeto Allan Kardec
Quiromancia
Religião
Revelação Espírita
Rivail, Hypolite-Léon Denizard
Roustaing, Jean-Baptiste
Santíssima Trindade
Santo Ofício
Sausse, Henri
Schutel, Cairbar
Sentido Espiritual
Sexto Sentido
Silvino Canuto Abreu
Sociedade Dialética de Londres
Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas
SPEE
Subjugação
Superstição
Terceira Revelação
Tribunal do Santo Ofício
Trindade Universal
Ubiquidade
UEF
União Espírita Francesa
Vampirismo
Verdade, Espírito
Videira Espírita
William Crookes
X, Irmão
Xavier, Chico
Xenoglossia
Yvonne do Amaral Pereira
Zé Arigó
Zilda Gama

© 2014 - Todos os Direitos Reservados à Fraternidade Luz Espírita

▲ Topo