Sábado, 3 de outubro de 2020 — Edição N° 190 — Editado pela equipe da Fraternidade Luz Espírita
Portal Luz Espírita

Aniversário de nascimento de Allan Kardec

Calendário histórico Espírita


Comemoramos neste 3 de outubro de 2020 o 216° aniversário de nascimento de um dos maiores personagens da História da Humanidade terrena:
Hyppolite-Léon Denizard Rivail, pedagogo francês que abraçou a extraordinária missão de ser o codificador da Doutrina Espírita, missão essa muito bem executada, para a qual assinou com o pseudônimo Allan Kardec, a quem nós só podemos dizer de melhor um "muito obrigado".

Saiba mais sobre Allan Kardec na Enciclopédia Espírita Online.

Portal Luz Espírita

Publicada fotografia inédita de Madame Kardec

Créditos do acervo da AKOL


Fotografia inédita de Amélie-Gabrielle Boudet, a Madame Kardec, é compartilhada em público por Adair Ribeiro, responsável pelo site Allan Kardec Online - AKOL, que dispõe do Museu Online do Espiritismo, cujo importantíssimo acervo histórico só cresce, favorecendo assim aos pesquisadores e os espíritas mais estudiosos.

Saiba mais >>>

Portal Luz Espírita

"O estupro da menina de 10 anos e o aborto assistido"

Artigo por Ery Lopes


Conforme prometido, voltamos a falar sobre o caso polêmico que agitou o cenário midiático nacional em agosto deste 2020, envolvendo um processo de aborto assistido cuja grávida era uma menina de 10 anos que, segundo a apuração das autoridades, era vítima de abuso sexual já há pelo menos três anos, sendo o estuprador o próprio tio da menina, que aliás acabou preso. A polêmica se deu exatamente em torno da discussão sobre a legitimidade ou não de se operar aí o aborto, que no caso foi efetivado em um hospital da rede pública do Estado de Pernambuco. Segundo o portal de notícias G1, "A menina precisou ir ao Recife para interromper a gravidez porque, no estado de origem [Espírito Santo], os médicos do hospital em que ela foi atendida afirmaram que não tinham capacidade técnica para fazer o procedimento."

Ler artigo na íntegra >>>

Multimídia

Acervo de filmes, documentários e outras obras audiovisuais com temática espírita ou espiritualista e de interesse ao estudo do Espiritismo.

Acessar página de Multimídia.

Calendário Histórico Espírita

Página especial com o registro de datas dos eventos mais relevantes para a História do Espiritismo e desenvolvimento do Movimento Espírita.

Acessar o Calendário Histórico Espírita.

Portal Luz Espírita

"Dogma" e "Dogmatismo"

Novos verbetes da Enciclopédia Espírita Online


Mais dois verbetes vêm enriquecer a nossa Enciclopédia Espírita Online: "dogma" e "dogmatismo", termos corriqueiros dentro da temática de estudos espiritualistas, mas também utilizados pelas doutrinas filosóficas e disciplinas científicas.

E, o que pode ser causa de espanto para os menos inteirados da codificação espírita, são termos também de que Allan Kardec se serviu, por exemplo, aplicando-os com referência à Lei de Reencarnação.

Por isso, pensamos ser de grande interesse dos mais confrades estudiosos consultar a conceituação destes verbetes.

Acesse agora mesmo essa novidade da Enciclopédia Espírita Online.

E não deixe de compartilhar com seus familiares e amigos.

Portal Luz Espírita

"Como os Espíritos inferiores sugam nossas energias"

Videopalestra com Dra. Anete Guimarães


Oferecemos aos nossos amigos confrades e simpatizantes do Espiritismo, a videopalestra "Como os Espíritos inferiores sugam nossas energias" com a extraordinária Dra. Anete Guimarães, desenvolvendo reflexões sobre a relação direta entre o equilíbrio espiritual e a saúde física, bem como o paralelismo entre as patologias comuns e o processo obsessivo. Imperdível!

Confira a videopalestra:



E não deixe de compartilhar e ajudar na divulgação do Espiritismo.

Mensagem Espírita

Portal Luz Espírita

O Evangelho segundo o Espiritsimo
Allan Kardec
Cap. XI, item 8.

A Lei do Amor


O amor resume toda a doutrina de Jesus, visto que esse é o sentimento por excelência, e os sentimentos são os instintos elevados à altura do progresso feito.
Em sua origem, o homem só tem instintos; quando mais avançado e corrompido, só tem sensações; quando instruído e depurado, tem sentimentos. E o ponto delicado do sentimento é o amor, não o amor no sentido vulgar do termo, mas esse sol interior que condensa e reúne em seu ardente foco todas as aspirações e todas as revelações sobre-humanas. A lei de amor substitui a personalidade pela união dos seres; extingue as misérias sociais. Ditoso aquele que, ultrapassando a sua humanidade, ama com amplo amor os seus irmãos em sofrimento! Ditoso aquele que ama, pois não conhece a miséria da alma, nem a do corpo. Tem os pés ligeiros e vive como que transportado, fora de si. Quando Jesus pronunciou a divina palavra amor, os povos se assustaram e os mártires, repletos de esperança, desceram ao circo.
Por sua vez, o Espiritismo vem pronunciar uma segunda palavra do alfabeto divino. Estejam atentos, pois essa palavra ergue a lápide dos túmulos vazios: é a reencarnação, triunfando da morte, revela às criaturas deslumbradas o seu patrimônio intelectual. Já não é à amargura que ela conduz o homem: ela o conduz à conquista do seu ser, elevado e transfigurado. O sangue resgatou o Espírito e o Espírito tem hoje que resgatar o homem da matéria. Eu disse que em seus começos o homem só possuía instintos. Portanto, aquele em quem predominam os instintos se acha mais próximo ainda do ponto de partida do que da meta. A fim de avançar para a meta, a criatura tem que vencer os instintos em proveito dos sentimentos, isto é, que aperfeiçoar estes últimos, sufocando os germes concentrados da matéria. Os instintos são a germinação e os embriões do sentimento; trazem consigo o progresso, como a glande traz em si o carvalho, e, surgindo pouco a pouco de suas crisálidas, os seres menos adiantados são os que se conservam escravizados aos instintos. O Espírito precisa ser cultivado como um campo. Toda a riqueza futura depende do trabalho atual, que recompensará a vocês muito mais do que os bens terrenos: a elevação gloriosa. É então que, compreendendo a lei de amor que liga todos os seres, buscarão nela os gozos suavíssimos da alma, antecipações das alegrias celestes.

Lázaro (Paris, 1862)

Portal Luz Espírita

Em face da morte

Estudo em áudio


Estudo do livro Oferenda, ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis e psicografado por Divaldo Franco

A nossa alma é como o Sol, que se esconde no horizonte, ao pôr de um dia, para, no alvorecer de novo dia, retornar pelo mesmo caminho. A vida, em si mesma, é sublime cadeia de experiências que se repetem, séculos e mais séculos, até que obtenhamos a perfeição. Maravilhosa cadeia, cujos elos se entrelaçam, se entrosam, se harmonizam, justapostos... Seremos, aqui e em qualquer parte, o resultado de nós mesmos, de nossos atos, pensamentos e palavras, independente das generosas intercessões de amigos que se nos anteciparam na Grande Viagem.

Acessar o estudo em áudio >>>

Se não deseja mais receber o Informe Luz Espírita, faça o cancelamento do cadastro acessando a nossa página de Atendimento e siga os procedimentos a partir do link "Desejo cancelar meu cadastro".



Todos os direitos reservados à Fraternidade Luz Espírita — www.luzespirita.org.br



▲ Topo